5 de mar de 2014

DESEJO NOTURNO – PARTE 5

              Comentando a discografia da banda finlandesa NIGHTWISH:





          From Wishes To Eternity – Live, primeiro disco ao vivo do Nightwish, foi lançado também em DVD, o primeiro que comprei, quando nem tinha aparelho para reproduzir. Gravei numa fita VHS com o aparelho do amigo Goia na TV canguru  (TV com videocassete acoplado) que tinha na sala da casa dos meus pais e assisti várias vezes. Pouco antes eu tinha visto pela primeira vez pela Internet uma música do show e finalmente havia visto a Tarja, dona daquela voz que eu adorava. A definição era horrível e pareciam fora de sincronia o áudio e o vídeo (na verdade a música era Wishmaster e o problema são os movimentos erráticos e esquisitos de Tarja), portanto, foi bom mesmo quando vi meu DVD.





            Alguns colegas meus que assistiram criticaram, dizendo que havia muito playback (teclados e corais) e que Tarja não tinha presença de palco. Até certo ponto eu concordo, mas nada tirou minha alegria de ver minha banda favorita tocando num show muito bom. Quem agita muito no show e se destaca é o baterista Jukka. Em compensação este foi o último álbum da banda com o baixista Sammi, uma verdadeira múmia paralítica no show. Tuomas agita um pouco cavalgando o teclado e o guitarrista é simpático também.
O show tem alguns efeitos especiais legais com fogos, a presença de convidados, e as trocas de roupa da bela Tarja Turunen, e nos extras bastidores, entrevistas, fotos e clipes.

Adios, Sammi.


            Principais destaques musicais:

·        A inédita Instrumental (Crimson Tide/Deep Blue Sea) cujo nome significa “Maré Vermelha/Mar Azul Profundo”, belíssima composição, onde todos os instrumentos se destacam, e a guitarra um pouco mais (A parte de Maré Vermelha é da trilha sonora do filme de mesmo nome, com Denzel Washington);
·         Desempenho dos membros da banda em The Pharaoh Sails To Orion, cujo final ficou épico. Tem a participação de um cabeludo gordo amigo da banda, com voz gutural;
·        Wanderlust, que tem uma parada inesperada que quebra a expectativa do público;
·        O medley no final de Elvenpath, que entra em FantasMic part 3;
·        A participação do vocalista do Sonata Arctica, Tony, em Beauty & The Beast (adoro esta música).



            Claro que outro destaque é o decote de Tarja na 2ª e 3ª troca de roupas. Seu primeiro figurino deu um ar de feiticeira, bem condizente com o clima das músicas. Nas entrevistas e principalmente nos bastidores dá pra se conhecer o drama da vocalista, que não era metaleira e de repente se vê viajando com um bando de bêbados, sem ninguém pra cuidar dela. Pô, a menina vinha de outro mundo, muito mais elegante, delicado e comportado, tá explicada sua falta de talento para frontwoman de Heavy Metal. Não dá pra comparar com algumas maloqueiras e drogadas de outras bandas. Ela é uma dama!
            Pena que as entrevistas não têm legendas em português, então quem não sabe inglês tem problemas. E dá pra se conhecer na entrevista com a Tarja como é horrível de se escutar o finlandês. Ô língua desgraçada, parece um trator com tanto rrrrrrrrrrrrr!
            Indispensável aos fãs de carteirinha este DVD. Como Bônus os clipes de Sleeping Sun e The Carpenter.

Nenhum comentário: